Como descobrir se você precisa de hospedagem compartilhada, revenda ou cloud

Como descobrir se você precisa de uma hospedagem compartilhada, revenda ou cloud

 Essa sem dúvidas é uma das perguntas que provavelmente deixa muitas pessoas com dor de cabeça, talvez por não conhecer a fundo as principais diferenças entre os serviços, por não conseguir identificar em qual delas o seu projeto se enquadra ou até mesmo por estar pensando no quanto pode precisar gastar para não fugir do orçamento.

Seja qual for a resposta, vamos falar um pouco de todos os três e como cada um pode influenciar no seu projeto, quais as vantagens de cada um e quais os problemas podem ocorrer com uma escolha errada. Quando você entender como tudo funciona e como vai impactar no seu negócio, vai estar preparado para tomar essa decisão e contratar sem medo o melhor serviço para que não volte a ter dor de cabeça.

Como entender a diferença de cada serviço?

Antes de você definir qual o serviço vai ser o mais indicado no seu projeto, você precisa saber muito bem diferenciar cada um dos serviços e saber como cada um funciona para só então fazer a melhor escolha. Pense que cada um deles atende a uma determinada demanda, uma necessidade em especial, que tudo vai depender de como você vai trabalhar e como tudo vai ser encaminhado para o seu público.

Vamos usar um exemplo muito simples, pense em um grande prédio, ele é dividido por andares, cada qual com seus quartos, agora imagine que uma hospedagem de site compartilhada funciona semelhante a um dos andares desse prédio, cada espaço de hospedagem é como um quarto, então você tem várias camas e divide o seu espaço com todas elas, qualquer problema com um dos “hóspedes” acaba influenciando os outros.

Cada cliente de hospedagem tem os seus recursos (espaço, transferência, e-mails, etc), porém o espaço é compartilhado. É uma ótima escolha para quem está começando e deseja um plano mais acessível, o investimento é baixo e pode mudar de plano sempre que necessário.

Agora indo um pouco mais longe, vamos entender dessa mesma forma como funciona a revenda de hospedagem, que seria mais ou menos como cada revenda sendo um quarto, cada revendedor tem uma quantidade X de camas a sua disposição, ele pode colocar quem quiser nos seus respectivos quartos, até locar o seu espaço total, quanto maior a revenda, mais espaço ele poderá oferecer aos seus novos clientes.

Já o cloud é um pouco mais completo, o cloud baseia-se em uma máquina física particionada de forma isolada para cada cliente, pensando nos exemplos anteriores, é como se você tivesse um andar inteiro só para você, não precisa se preocupar com os “vizinhos” e todos os recursos daquele andar são inteiramente seus, você tem autonomia total nesse espaço. O Cloud Gerenciado é monitorado, configurado e te dá total privacidade de performance para projetos de grande porte que não podem ficar lentos ou ficar fora do ar.

Agora como identificar o que você precisa?

Já delimitamos que uma Hospedagem Compartilhada é um pequeno espaço locado junto a outros clientes, para um site simples e que consuma poucos recursos, é o necessário, você só precisa ficar atento ao consumo das contas de e-mail, pois precisa de espaço necessário para atender a sua demanda de mensagens.

Revenda de Hospedagem é indicada para quem quer ter mais controle sobre seus clientes, um desenvolvedor, uma agência de criação, é uma forma de terceirizar o serviço técnico da hospedagem compartilhada tendo apenas a necessidade de gerenciar os clientes e prestar suporte. Para quem quer agregar mais valor ao seu serviço ou apenas ganhar uma renda extra, esse é o serviço mais indicado.

O Cloud Gerenciado é um serviço que demanda necessidades muito específicas e que não se enquadram nos dois serviços acima, é mais indicado quando você precisa executar seu site ou aplicação e não ter nenhum risco de que influência de sites de terceiros acabem influenciando o desempenho do seu, problema que pode afetar algumas hospedagens compartilhadas, outra aplicação é a privacidade extra e a possibilidade de instalar aplicações e serviços que não é possível na hospedagem compartilhada nem na revenda, seja por conta de outros tipos de bancos de dados, ajustes personalizados ou recursos mais completos de memória e processamento.

Quando mudar seu plano atual para um melhor?

Os serviços de hospedagem compartilhada podem ser divididos de diversas formas, hospedagem básica, hospedagem empresarial, hospedagem avançada, os recursos de cada uma serão o diferencial, junto de serviços extras que cada uma delas podem oferecer. Dentro de cada um desses pacotes você ainda pode realizar os chamados upgrades de plano, que dão um espaço extra que pode ser o suficiente para o seu projeto. Quando o seu site começa a apresentar problemas com lentidão, quedas constantes, e-mails que não estão chegando em sua caixa de entrada, esse é o sinal de que nada está indo bem e está na hora de planejar a sua migração para uma outra empresa, hoje o mercado é abastecido com uma centena de provedores e com as mais diversas faixas de preço e serviços oferecidos, mas não são todas as que trabalham com qualidade na prestação de seus serviços, antes de qualquer coisa faça pesquisas e tente testar o serviço antes, como é o caso da ISBrasil, que oferece 30 dias grátis para testar seus serviços de hospedagem.

Quando migrar de empresa e porquê?

Depois de ter a certeza sobre qual plano você precisa para o seu site ficar online sem surpresas, a migração é o seu próximo passo, painéis de administração iguais permitem um processo de migração rápido e sem riscos de perda, como é o caso do cPanel, um dos painéis de controle mais usados atualmente as melhores empresas de hospedagem hoje oferecem hospedagem de site com cPanel, então esse é mais um motivo para você planejar sua mudança em caso de problemas. O momento certo de começar esse processo é antes de você começar a ter prejuízos com a instabilidade do servidor atual.

Conclusão

A melhor maneira de escolher bem o serviço que você precisa é conhecendo bem cada um deles, tentamos deixar essas diferenças bem claras nesse artigo e fazer com que você possa analisar o seu projeto e identificar em qual dos serviços ele se encaixa e como pode ser melhor atendido. Faça testes, conheça bem seu próximo provedor, busque uma hospedagem de site de confiança e não tenha preocupações com seu negócio e com seu site, essa é a pior parte de não estar em um bom provedor.

Cristiano Coelho

Cristiano Coelho Autor

Analista de sistema, professional de SEO, apaixonado pelo mundo de vendas on-line. Trabalho há 20 anos com TI e os últimos anos da minha vida, dediquei ao estudo de métodos eficientes sobre como vender na internet. Este blog é meu passatempo para transmitir um pouco do meu conhecimento a quem deseja abrir um negócio on-line